quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Cemig tem interesse nos projetos do Governo Federal para o setor elétrico


Plano prevê R$ 186 bi em investimentos para garantir o fornecimento de energia

A Cemig tem interesse em participar dos projetos do Programa de Investimento em Energia Elétrica (PIEE), anunciado, nesta terça-feira (11/8), pelo Governo Federal. O presidente da empresa, Mauro Borges Lemos, afirmou que já tem conhecimento sobre alguns projetos, como a Usina São Luiz do Tapajós e acompanha atentamente a divulgação de mais detalhes.

Segundo o Ministério de Minas e Energia (MME), o PIEE prevê a contratação de R$ 186 bilhões em investimentos novos de geração e transmissão elétrica entre agosto de 2015 e dezembro de 2018, sendo que R$ 116 bilhões para obras de geração e R$ 70 bilhões em linhas de transmissão, para fornecer mais energia aos brasileiros a preços competitivos com o mercado internacional.

Mauro Borges elogiou o plano desenvolvido pelo Ministério de Minas e Energia e disse que vai estar atento ao detalhamento das condições regulatórias nas quais os projetos serão apresentados. “O programa é fundamental, são investimentos completamente gigantescos e a Cemig vai estar muito atenta, pois é de nosso interesse se houver algum detalhamento nas condições em que esses investimentos serão oferecidos”, comentou.

Geração
Dos novos projetos de geração de energia que devem ser contratados, serão agregados ao sistema elétrico entre 25.000 e 31.500 MW, sendo que apenas a Usina São Luiz de Tapajós teria uma potência correspondente a mais de 8.000 MW. “A Cemig está presente em grandes projetos da região amazônica, como as Usinas Belo Monte e Santo Antônio, e Tapajós poderia ser a próxima etapa para a empresa ampliar seus ativos naquela região”, disse Mauro Lemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário